A Food and Drug Admnistration (FDA) aprovou, no dia 20 de março, o medicamento brentuximab vedotina para tratar doentes adultos com linfoma de Hodgkin clássico não tratado de estádios III ou IV, em associação com a quimioterapia.

Publicado em Notícias

A Comissão Europeia aprovou recentemente o pembrolizumab, a terapêutica anti-PD-1 da MSD, para o tratamento de doentes adultos com linfoma de Hodgkin clássico recidivante ou refratário (LHc) que não tenham respondido ao transplante de células estaminais autólogas (ASCT) e a brentuximab vedotina (BV) ou que não foram elegíveis para transplante e que não tenham respondido a BV.

Publicado em Notícias

A Takeda divulga que o Infarmed deferiu o processo de avaliação do medicamento brentuximab vedotina para o tratamento de doentes adultos com linfoma de Hodgkin (LH) CD30+ recidivante ou refratário e para o tratamento de doentes adultos com linfoma anaplásico de grandes células sistémico (LAGCs) recidivante ou refratário.

Publicado em Notícias

Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019