segunda-feira, 10 agosto 2020 11:53

A gestão dos antibióticos em 2020

A resistência aos antimicrobianos, provocada principalmente pela utilização excessiva de antibióticos, é uma ameaça à saúde publica que tem sido relegada para segundo plano com a chegada da pandemia da COVID-19. Face a este cenário, é imperativo adotar, com urgência, medidas que promovam o uso racional dos antibióticos. Foram estas medidas, no contexto dos cuidados intensivos, que estiveram em discussão na tertúlia científica virtual intitulada “Antibióticos: como decidir em 2020, do diagnóstico à terapêutica”, com o apoio da BIOMÉRIEUX. Esta tertúlia foi conduzida pelo Prof. Doutor José Artur Paiva e contou com as intervenções de outros cinco especialistas: o Prof. Doutor Filipe Froes, o Prof. Doutor João Gonçalves Pereira, a Dr.ª Dulce Pascoalinho, o Dr. Carlos Palos e o Dr. Paulo Mergulhão.

 

Publicado em Notícias

Os investigadores do Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC) descobriram que a microbiota de cada individuo determina a permanência de bactérias resistentes a antibióticos nos seus intestinos: em alguns, a resistência é rapidamente eliminada, mas noutros não. O estudo agora publicado na revista Nature Ecology and Evolution vem reforçar a necessidade de implementar terapias mais personalizadas e traz novas perspetivas ao paradigma da evolução da resistência a antibióticos no intestino.

Publicado em Notícias

Adotar e fomentar o uso racional dos antibióticos tem sido uma prioridade e um desafio constante, atendendo ao impacto da resistência aos antimicrobianos (RAM), nomeadamente no que diz respeito à mortalidade associada, custos diretos e prolongamento dos internamentos. Para tratar importantes questões sobre como se está a decidir antibióticos na atualidade, um painel de especialistas irá juntar-se numa sessão virtual dirigida a profissionais de saúde, com o apoio da Biomérieux, no dia 23 de julho, às 21h00.

Publicado em Notícias

A Figueira da Foz acolhe, no próximo dia 4 de outubro, as Jornadas Uma Só Saúde, que vão decorrer com o mote "Antibióticos: Estamos a usá-los de forma responsável?". 

 

Publicado em Notícias

“Responsabilidade é o Melhor Remédio” é o mote da campanha conjunta entre a Reckitt Benckiser Healthcare e a Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (MGF), que pretende sensibilizar a população e os profissionais de saúde para o perigo do consumo excessivo dos antibióticos em Portugal. A assinatura do protocolo de colaboração entre as duas entidades decorreu ontem, 28 de março, na sede da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF), em Lisboa.

 

Publicado em Notícias

A Abtrace acaba de ser premiada com dois milhões de euros de financiamento e um programa de incubação no Instituto Pedro Nunes pelo programa Wild Card 2018 da EIT Health. A iniciativa do Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT) apoia ideias e projetos inovadores com potencial para transformar a saúde na Europa.

Publicado em Notícias

De acordo com um estudo publicado recentemente na revista The Lancet Infectious Diseases, todos os anos 33 mil pessoas morrem por infeções causadas por bactérias resistentes a antibióticos na Europa. No caso de Portugal, o estudo estima que tenha havido 24.021 infeções e 1.158 mortes, em 2015, grande parte com ligações a unidades de saúde, uma realidade que tem vindo a agravar-se desde 2007. O Dr. Paulo André Fernandes, antigo coordenador do Programa de Prevenção e Controlo de Infeções e de Resistência aos Antimicrobianos (PPCIRA), colaborou no desenvolvimento deste estudo e, em entrevista à News Farma, comenta os resultados da investigação e sublinha pode ser feito para controlar o problema.  

Publicado em Artigos

O Escritório Regional Europeu da Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou um novo curso on-line direcionado para a promoção da prescrição apropriada de antibióticos. A formação está aberta gratuitamente para qualquer um e, para aqueles que completarem pelo menos 80% do curso, será entregue uma declaração de participação.

Publicado em Notícias

De acordo com o Estudo Europeu de Prevalência de Infeção Associada a Cuidados de Saúde e Consumo de Antibióticos 2017, entre 2012 e 2016, o Centro Hospitalar de São João (CHSJ) diminuiu a taxa de infeção hospitalar em 31%. Em declarações à Lusa, o coordenador da Unidade de Prevenção e Controlo da Infeção, Dr. Carlos Alves, garante que em causa estão “melhorias importantes em várias áreas da luta contra a infeção e resistências aos antibióticos”.

Publicado em Notícias

No próximo dia 26 de novembro, às 9h00, terá lugar na Biblioteca da Ordem dos Médicos um debate com o tema: “Antibióticos, quando e como”.

Publicado em Notícias

Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019