A MSD acaba de informar que o Infarmed aprovou a comparticipação do medicamento pembrolizumab, a terapêutica anti-PD-1 da MSD, utilizada na primeira linha de tratamento de doentes com carcinoma do pulmão de células não-pequenas (CPCNP), metastático, cujos tumores tenham expressão elevada de PD-L1 (TPS≥50%), sem mutação EGFR ou translocação ALK.

Publicado em Notícias

O Infarmed aprovou pembrolizumab, a terapêutica de imuno-oncologia anti-PD-1 da MSD, para o tratamento, em meio hospitalar, do cancro do pulmão de células não pequenas (CPCNP) em adultos cujos tumores expressam PD-L1 (TPS≥1%) e que receberam pelo menos um esquema de tratamento prévio com quimioterapia. A dose aprovada é 2 mg/kg a cada três semanas.

Publicado em Notícias

A Comissão Europeia acaba de aprovar o pembrolizumab, a terapêutica anti-PD-1 da MSD, como tratamento de primeira linha de carcinoma do pulmão de células não pequenas (CPCNP) metastático em adultos cujos tumores tenham uma expressão de PD-L1 elevada (proporção de pontuação do tumor [TPS] de 50% ou mais) sem mutações tumorais positivas para o EGFR ou ALK.

Publicado em Notícias

Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019