Assista amanhã ao webinar sobre “Atualizações à COVID-19” na Anestesiologia e nos Cuidados Intensivos
13/10/2020 15:08:21
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Assista amanhã ao webinar sobre “Atualizações à COVID-19” na Anestesiologia e nos Cuidados Intensivos
A Sociedade Portuguesa de Anestesiologia (SPA) e a Sociedade Portuguesa de Cuidados Intensivos (SPCI), com o apoio da Octapharma, vão realizar amanhã, dia 14 de outubro, um webinar dedicado às “Atualizações da COVID-19” nas áreas de Anestesiologia e Cuidados Intensivos. O webinar decorre entre as 21h30 e as 23h00.

O webinar conta com quatro palestras de 15 minutos cada e um momento aberto à discussão. Os temas discutidos são:

1. “A Anestesiologia e a pandemia COVID-19”, pela Dr.ª Cristina Granja, do Centro Hospitalar Universitário de São João;

2. “A intubação traqueal e a ventilação mecânica precoce no doente COVID-19. Mitos e realidades?”, pela Dr.ª Joana Manuel, do Hospital Garcia de Orta;

3. “Ventilação mecânica no doente COVID-19: Fenótipos ou personalizada?”, pelo Prof. Doutor João João Mendes, do Hospital Prof. Dr. Fernando da Fonseca;

4. “Tratamento farmacológico - ler nas entrelinhas da evidência sem filtro”, pelo Dr. Paulo Mergulhão, do Hospital Lusíadas do Porto.

A sessão vai ser moderada pelo Dr. Pais Martins, da SPA, e pelo Dr. João Gouveia, da SPCI.
Depois do alerta lançado pela Organização Mundial de Saúde sobre as taxas de transmissão da COVID-19 na Europa serem alarmantes, à data Portugal regista uma média de 1500 novos casos dia, cerca de 877 doentes internados e destes 128 doentes internados em UCI, a SPA e a SPCI lançam o debate sobre a abordagem mecânica, farmacológica e novos procedimentos a ter nos doentes com COVID-19.

A Dr.ª Maria do Rosário Matos Órfão, presidente da SPA, afirma: “A Anestesiologia portuguesa com o seu expertise e resiliência está na primeira linha da resposta ao doente crítico COVID-19” num trabalho de equipe com outras especialidades e profissionais.

Já o Dr. João Gouveia, presidente da SPCI, defende que “a medicina intensiva portuguesa teve um excelente desempenho na primeira vaga, para tal contribuiu a colaboração de vários outros especialistas, internistas, anestesiologistas etc., que participaram no tratamento do doente COVID crítico, com a coordenação e orientação da medicina intensiva. Devemos divulgar os bons exemplos, atualizar conhecimentos e encarar o futuro na mesma perspetiva de união para um bem comum - a saúde dos nossos doentes.”

As inscrições no webinar são gratuitas e dirigidas a todos os associados da SPA e SPCI e a todos os profissionais de saúde interessados na temática. Podem ser feitas através deste link.


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019