“Ouvir com Arte”: APO comemora o Dia Mundial da Audição com sessão dinamizadora
07/02/2020 16:36:01
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
“Ouvir com Arte”: APO comemora o Dia Mundial da Audição com sessão dinamizadora

A propósito do Dia Mundial da Audição, celebrado a 3 de março, a Associação Portuguesa de Otoneurologia (APO) apresenta o evento “Ouvir com Arte”, a decorrer na efeméride na zona de congressos da Fundação Calouste Gulbenkian (FCG), em Lisboa.

 

A sessão, que contará com um breve momento musical a cargo de Fernando Tordo e Cuca Roseta, reunirá na mesma mesa um representante da FCG, o Prof. Doutor Nuno Trigueiros, presidente da APO, a Dr.ª Luísa Monteiro, presidente do Grupo de Rastreio e Intervenção da Surdez Infantil (GRISI), e o Prof. Doutor Jorge Humberto, presidente da Associação Portuguesa de Audiologia. Para além disso, o evento será marcado pela intervenção de doentes que partilharão as suas experiências, com moderação de Júlio Isidro.

De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 466 milhões de pessoas a nível mundial apresentam perda de audição com impacto social, das quais 34 milhões são crianças. Estima-se que 2050 cerca de 900 milhões de pessoas sofram de perda auditiva.

A perda auditiva pode resultar de causas genéticas, complicações neonatais, doenças infeciosas, otites e medicamentos tóxicos, mas também devido à exposição a ruído e envelhecimento. No caso das crianças, 60% das perdas podem ser prevenidas. No que toca aos jovens entre os 12 e os 35 anos, 1.1 mil milhões estão em risco de perda auditiva pela exposição ao ruído em situações de lazer.

 


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019