"Cascais sem Diabetes" alerta para os efeitos malignos da doença
06/02/2020 17:19:32
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
"Cascais sem Diabetes" alerta para os efeitos malignos da doença

Envolvida diretamente no programa “Cascais sem Diabetes” e tendo contribuindo com o seu apoio desde o início, a Dr.ª Helena Baptista da Costa refere que este tipo de iniciativa é fundamental. “Este projeto é um exemplo de integração de cuidados”, refere à News Farma, acrescentando que “estamos todos envolvidos na problemática da diabetes e tentar diminuir os seus efeitos malignos”.

Envolvida diretamente no programa “Cascais sem Diabetes” e tendo contribuindo com o seu apoio desde o início, a Dr.ª Helena Baptista da Costa refere que este tipo de iniciativa é fundamental. “Este projeto é um exemplo de integração de cuidados”, refere à News Farma, acrescentando que “estamos todos envolvidos na problemática da diabetes e tentar diminuir os seus efeitos malignos”.

O “Cascais sem Diabetes” prevê a avaliação, na população, do risco de diabetes tipo 2, a identificação das pessoas com diabetes e pré-diabetes e o apoio a estas pessoas através de iniciativas de proximidade na prevenção e gestão da doença. Prevê a implementação de programas de literacia na saúde, ao longo do ciclo de vida, e de formação e capacitação de técnicos de saúde, cuidadores formais e informais, na área da diabetes. O programa vai também garantir a formação e a capacitação das equipas escolares, nomeadamente na resposta às necessidades das crianças com diabetes tipo 1 e a formação em prevenção e cuidados ao pé diabético, uma das complicações mais frequentes da diabetes.

Vídeo


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019