Kite apresenta novos dados do portfólio de terapia celular na reunião anual da ASH 2019
08/11/2019 15:01:13
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Kite apresenta novos dados do portfólio de terapia celular na reunião anual da ASH 2019

A Kite, uma empresa Gilead (Nasdaq: GILD), anunciou que foram aceites oito abstracts, incluindo cinco apresentações orais sobre axicabtagene ciloleucel e outros dados do programa de desenvolvimento de terapias com o recetor antigenico quimérico (CAR) de células T, na 61.º Reunião Anual da Sociedade Americana de Hematologia, que irá decorrer em Orlando, de 7 a 10 de dezembro de 2019. 

Os dados do programa de desenvolvimento da terapia com células T CAR incluem dados de sobrevida a três anos do estudo principal ZUMA-1, de axicabtagene ciloleucel em doentes com linfoma de grandes células B refratários, com destaque para o mecanismo e forma da apresentação de recidiva em doentes incluídos no ensaio clínico do ZUMA-1 (Abstract # 203), bem como resultados primários de um coorte que investiga o efeito do uso precoce de esteróides em doentes tratados com axicabtagene ciloleucel nas taxas de síndrome de libertação de citocinas e eventos neurológicos (Abstract #243).1,2 Também serão apresentados dados sobre a utilização de axicabtagene ciloleucel em contexto de vida real, incluindo uma análise dos resultados pós-comercialização no linfoma de grandes células B (Abstract #764), e ainda a análise primária do estudo ZUMA-2 que avalia KTE-X19, ainda em investigação, no linfoma de células do manto recidivante ou refratário (Abstract #754). 

“A Reunião Anual da ASH será uma referência para a Kite”, refere a Dr.ª Christi Shaw, CEO da Kite. “Estamos entusiasmados por partilhar dados de sobrevida a três anos, insights sobre o potencial da gestão de eventos adversos e resultados de outros estudos que podem ajudar a compreender melhor axicabtagene ciloleucel e a terapia celular. Queremos levar este tratamento, que potencialmente salva vidas, ao maior número de pessoas possível que sofrem de cancro do sangue.”  

Axicabtagene ciloleucel recebeu Autorização de Introdução no Mercado a 23 de agosto de 2018 para o tratamento de doentes adultos com linfoma difuso de grandes células B recidivante ou refratário e linfoma de grandes células B primário do mediastino, depois de duas ou mais linhas de terapêutica sistémica. O axicabtagene ciloleucel foi aprovado nos EUA pela FDA a 18 de outubro de 2017.

Para mais informações, incluindo uma lista completa dos títulos dos abstracts a serem apresentados na reunião, visite este site.  

Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019