Estudante do Politécnico de Leiria recebe bolsa para estudar displasias ósseas nos EUA
22/07/2019 12:27:01
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Estudante do Politécnico de Leiria recebe bolsa para estudar displasias ósseas nos EUA

Joana Parreira, estudante da licenciatura de Fisioterapia na Escola Superior de Saúde do Politécnico de Leiria, venceu a Bolsa ANDO 2019, atribuída pela Associação Nacional de Displasias Ósseas, que lhe permitirá fazer um estágio extracurricular intensivo, de duas semanas, em ambiente hospitalar, no Hospital Pediátrico Nemours/Alfred I. duPont, em Wilmington, Delaware, Estados Unidos da América, um hospital de referência internacional em displasias ósseas.

O externship permite à estudante do 4.º ano de Fisioterapia observar, questionar e explorar diversos temas relacionados com as displasias ósseas, com acesso às áreas do hospital dedicadas às displasias ósseas, nomeadamente Fisioterapia, bloco operatório e clínica multidisciplinar. A Bolsa pretende dar a oportunidade aos estudantes portugueses de cursos de saúde de aprender num dos mais conceituados centros de referência para displasias ósseas, e com uma das mais reconhecidas equipas do mundo na área.

A Associação Nacional de Displasias Ósseas considera esta uma oportunidade de investimento no futuro, para promover melhores cuidados das pessoas com displasias ósseas, e um complemento formativo para os estudantes, para reforçar as suas competências e contribuir para que compreendam a complexidade que as displasias acarretam, e saibam referenciar corretamente os pacientes.

A Bolsa ANDO é nacional, e é atribuída apenas a um aluno do 6.º ano do mestrado integrado em Medicina, e a um aluno do 4.º ano da licenciatura em Fisioterapia.


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019