"Filgotinib tem potencial para alterar as vidas das pessoas com artrite reumatóide"
07/06/2019 16:10:57
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
"Filgotinib tem potencial para alterar as vidas das pessoas com artrite reumatóide"

A Gilead Sciences e a Galapagos NV anunciaram que os dados sobre filgotinib, um inibidor seletivo de Janus cinase 1 (JAK1) oral, atualmente em investigação, serão apresentados no Congresso Europeu de Reumatologia (EULAR2019), que vai decorrer em Madrid, entre os dias 12 e 15 de junho. Serão apresentados resultados dos ensaios clínicos FINCH 1 e FINCH 3, em curso, e que têm como objetivo avaliar a utilização de filgotinib em adultos com artrite reumatóide.

“Estes dados fazem-nos acreditar que o filgotinib tem o potencial para alterar significativamente as vidas das pessoas com artrite reumatóide (AR), não só no tratamento precoce, mas também em fases subsequentes e quando outros tratamentos falharam", disse o Dr. John McHutchison, head of research and development da Gilead Sciences.

“Os resultados dos ensaios clínicos FINCH demonstram a robustez crescente  e a abrangência do pipeline da Gilead na área da inflamação e reafirmam o compromisso em melhorar as perspetivas de pessoas com doenças inflamatórias –  com filgotinib e outros compostos em investigação”.

 

Ensaios de Fase 3 de filgotinib em artrite reumatóide

Os resultados da análise às 24 semanas dos ensaios clínicos de Fase 3 FINCH 1 e 3 vão ser apresentados pela primeira vez nesta conferência: dados de eficácia e segurança de filgotinib em doentes com artrite reumatóide com resposta inadequada ao metotrexato, resultados para o objetivo primário do ensaio clínico FINCH1, os dados de eficácia e segurança de filgotinib em doentes com artrite reumatóide sem terapêutica prévia com metotrexato e os resultados preliminares FINCH3.

O ensaio clínico FINCH 1 é um estudo de Fase 3 em curso, aleatorizado, em dupla ocultação e controlado por grupo ativo e por placebo que avalia filgotinib vs. adalimumab ou placebo em adultos com artrite reumatóide ativa moderada a grave, em associação com a toma de metotrexato, mas com evidência de resposta prévia inadequada ao metotrexato.

O estudo alcançou o endpoint primário nas doses de 100 mg e de 200 mg de filgotinib, para a proporção de doentes que atingiram uma resposta de 20% de acordo com a definição do American College of Rheumatology (ACR20) em comparação com placebo à 12.ª semana.

A proporção de doentes que atingiram uma resposta percentual ACR50 ou ACR70 foi significativamente superior para filgotinib  quando comparado com placebo, à 12.ª semana, e para ambas as doses em análise. O estudo atingiu ainda endpoints secundários relevantes, incluindo a inibição da progressão radiográfica em ambas as doses de filgotinib vs. placebo. 

O FINCH 3 é um estudo de Fase 3 em curso, aleatorizado, em dupla ocultação, com controlo ativo que avalia a utilização de filgotinib em adultos com artrite reumatóide ativa moderada a grave. O ensaio avaliou o filgotinib em combinação com metotrexato e enquanto monoterapia em doentes sem experiência terapêutica prévia com metotrexato.

O estudo atingiu o endpoint primário, com uma proporção significativamente maior de doentes a atingir o ACR20 nos grupos que receberam filgotinib e metotrexato em comparação com os doentes que receberam apenas metotrexato.

Ambas as doses de filgotinib demonstraram respostas superiores ACR50 e ACR70 vs. metotrexato em monoterapia.  Em ambos os ensaios, filgotinib demonstrou um perfil de segurança consistente com resultados anteriormente anunciados.


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019