Cerca de 20% dos profissionais de saúde dos Cuidados Paliativos não têm formação específica da área
14/02/2019 12:54:45
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Cerca de 20% dos profissionais de saúde dos Cuidados Paliativos não têm formação específica da área

A Universidade Católica Portuguesa avança com novos dados do relatório de outono do Observatório Português de Cuidados Paliativos 2018: 20,6% dos profissionais de saúde não têm formação específica em Cuidados Paliativos. 

 

Nos resultados apurados, dos 452 profissionais a exercer funções no serviço, a maioria 179 (39,6%) tem formação básica em Cuidados Paliativos. Com pós-graduação existem 126 profissionais (27,9%) e com mestrado 47 (10,4%). Por outro lado, 93 (20,6%) profissionais não têm qualquer formação específica nesta área.

Relativamente aos 306 profissionais em funções nas Equipas Intra-hospitalares de Cuidados Paliativos que responderam à solicitação dos dados, a maioria 109 (35,6%) tem pós-graduação na área de Cuidados Paliativos, 90 (29,4%) frequentou formação básica e 67 (21,9%) tem mestrado. Nestas equipas, 29 profissionais (9,5%) não têm formação específica.

Ao nível das Equipas Comunitárias de Suporte em Cuidados Paliativos, a formação através de pós-graduação aparece em primeiro lugar 80 (37,9%), seguida de formação básica 66 (31,3%) e de mestrado 41 (19,4%). Dos 211 profissionais que exercem funções nesta tipologia de equipa, apenas sete (3,3%) referiram não ter formação em Cuidados Paliativos.

No global, destes 103 coordenadores, 15 (14,6%) foram identificados como tendo formação básica (Nível A), 16 (15,5%) de formação intermédia (Nível B) e 72 (69,9%) de formação avançada (Nível C).

A pós-graduação é a tipologia de formação predominante no grupo médico e de Enfermagem. A formação básica em Cuidados Paliativos constituiu o principal meio de formação específica nas restantes áreas profissionais (Serviço Social, Psicologia; Fisioterapia; Nutrição; Assistência Espiritual e Farmácia).

Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019