Serviço de Patologia Clínica do Hospital do Espírito Santo de Évora equipado com sistema de identificação de micro-organismos único no país
31/10/2018 10:13:51
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Serviço de Patologia Clínica do Hospital do Espírito Santo de Évora equipado com sistema de identificação de micro-organismos único no país

O Serviço de Patologia Clínica do Hospital do Espírito Santo de Évora, EPE (HESE) foi recentemente equipado com uma solução de identificação de micro-organismos única no país. Esta engloba o sistema de biologia molecular multiplex (FilmArray®), o sistema de espectrometria de massa com a tecnologia MALDI-TOF (VITEK MS®) e o sistema BactALERT Virtuo®.

Num comunicado divulgado à comunicação social, a diretora do Serviço de Patologia Clínica do HESE, Dr.ª Filomena Baptista Caldeira, explica que os novos sistemas implementados “permitem, de forma rápida, simples e precisa, a identificação e determinação dos principais mecanismos de resistência aos antimicrobianos em menos de 24 horas para as hemoculturas positivas, anteriormente conseguidos num mínimo de 48 horas”.
Da solução agora instalada fazem parte um sistema de biologia molecular multiplex e um sistema de espectrometria de massa, que permitem ao HESE fornecer uma resposta mais rápida, completa e tecnologicamente avançada na área da microbiologia rápida e gestão da resistência antimicrobiana.

Estes sistemas permitem dar resposta às necessidades da equipa clínica, otimizar o fluxo de trabalho, diagnosticar patologias de forma mais rápida e precisa, e adequar a terapêutica às necessidades concretas do doente. Devido à crescente resistência que demonstram face a vários antibióticos, a prescrição da terapêutica eficaz depende da rapidez da deteção e da objetividade da análise.

O Serviço de Patologia Clínica do HESE é o único laboratório público na área da Patologia Clínica, no distrito de Évora, e presta o seu apoio ao diagnóstico, prognóstico e seguimento dos utentes que recorrem aos seus serviços.

O Serviço dispõe de uma equipa de recursos humanos diferenciada, composta por médicos patologistas clínicos, técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica, assistentes técnicos e assistentes operacionais, pretendendo ser líder regional nos ensaios que realiza e alargar a oferta de ensaios nas áreas de Biologia Molecular e Microbiologia.

Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019