Instituto Médico Privado organiza mesa-redonda dedicada à banalização da Saúde
20/06/2018 16:03:48
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Instituto Médico Privado organiza mesa-redonda dedicada à banalização da Saúde

“Banalização da Saúde: Um problema sem travão?” é o tema da mesa-redonda organizada pelo Instituto Médico Privado (IMP), que vai ter lugar no próximo dia 27 de junho, pelas 18h00. Como convidados a debater a temática vão estar especialistas em Nutrição, Psicologia e Medicina Estética.

Atualmente, a informação está facilmente à disposição de todos – a expressão “Google it” retrata bem esta realidade. Contudo, se por um lado a revolução do mundo digital veio facilitar o acesso, por outro esta informação, tão abundante e acessível, não é filtrada, pelo que nem sempre é a mais correta.

Desta forma, o fenómeno da má informação pode ter efeitos prejudiciais à Saúde.

“A banalização da saúde é um tema urgente e que precisa de ser analisado, até porque os hábitos dos portugueses estão a mudar, nomeadamente em relação às dietas e regimes alimentares, e nem sempre para bem”, refere o Dr. Nuno Palas, diretor clínico do IMP.

“A saúde e a nutrição são temáticas fulcrais para o bem-estar das pessoas, e há uma desvalorização cada vez maior por parte da sociedade em relação a estes temas, uma vez que preferem a informação de fácil acesso e se deixam guiar pelos hábitos alimentares dos influenciadores digitais, sem olharem às necessidades individuais de cada um”, acrescenta o nutricionista.

As dietas da moda, os alimentos trendy, os regimes alimentares, as técnicas de emagrecimento mais rápidas e a obsessão pelo corpo perfeito, entre muitos exemplos, têm vindo a desvalorizar a palavra e o papel dos profissionais de saúde, que por vezes atuam já em situações de emergência. Já no campo da Medicina Estética, o problema de tratamentos mal executados por profissionais errados tem revelado ser também um problema.

Além do Dr. Nuno Palas, a mesa-redonda vai contar com a participação da Dr.ª Marta Figueiredo, psicóloga que atua nas áreas da Psicopatologia do adulto, perturbação de ansiedade, perturbação de humor e perturbação do comportamento alimentar, e da Dr.ª Joana Graça, especialista em Medicina Estética pela Universidade Alcalá de Henares de Madrid. Ao leque de oradores junta-se ainda Sofia Salgado Mota, autora do blogue Pedaços de Nós, que procura dar o seu testemunho sobre o tema enquanto influenciadora digital.


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019