Dia Mundial das Doenças Raras: Shire apela à redução do tempo de diagnóstico
28/02/2018 16:48:09
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Dia Mundial das Doenças Raras: Shire apela à redução do tempo de diagnóstico

No âmbito do Dia Mundial das Doenças Raras, celebrado esta quarta-feira, 28 de fevereiro, a Shire apela à redução do tempo de diagnóstico nesta área. Em comunicado, a empresa alerta para o facto de algumas pessoas esperarem cinco a sete anos para receber “um diagnóstico correto" e, no sentido de inverter esta situação, associou-se à Comissão Global para Acabar com a Odisseia do Diagnóstico de Crianças com uma doença rara, em 2018.

A Shire, juntamente com a Microsoft e a European Organisation for Rare Diseases, associou-se à Comissão para enfrentar o desafio do diagnóstico multianual a que muitos doentes são sujeitos, trabalhando com o objetivo de quebrar barreiras ao diagnóstico.

A Comissão Global para Acabar com a Odisseia do Diagnóstico de Crianças é uma parceira de especialistas vindos de vários setores, incluindo várias associações, instituições académicas, sistemas hospitalares, organizações políticas e empresas de tecnologia e biotecnologia, que se juntaram para desenvolver um roteiro necessário de apoio ao campo das doenças raras no acelerar do tempo de diagnóstico.

A diretora geral da Shire Portugal, a Dr.ª Carla Benedito, reconhece que o "Dia Mundial das Doenças Raras deve ser assinalado junto da comunidade que vive com uma doença” e, neste sentido, a missão da empresa passa por "impulsionar a pesquisa e desenvolvimento, além de apoiar as pessoas que vivem com doenças raras, particularmente para aqueles que têm, ainda, muito poucas opções de tratamento disponíveis".

No comunicado, a Shire indica ainda que 40% das pessoas são mal diagnosticadas, pelo menos uma vez, e que alguns doentes consultam oito médicos (quatro de Medicina Geral e Familiar e quatro especialistas).


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019