Unidade Local de Saúde de Matosinhos distinguida com Prémio Healthcare Excellence
24/10/2017 14:57:12
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Unidade Local de Saúde de Matosinhos distinguida com Prémio Healthcare Excellence

Realizou-se na passada sexta-feira, 20 de outubro, no Hotel Vila Galé, em Évora, a 4ª Edição do Healthcare Excellence, uma iniciativa da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH). Este ano, o primeiro prémio foi entregue à Unidade Local de Saúde de Matosinhos (ULSM) pelo projeto “Portal do Utente de Matosinhos”, criado com o objetivo de colocar o utente no centro do processo de atendimento.

O prémio, promovido pela APAH em parceria com a biofarmacêutica AbbVie, visa distinguir os melhores projetos de gestão hospitalar implementados durante o ano de 2016. Conforme explica o Dr. Nuno Antunes da ULSM, “o Portal do Utente de Matosinhos é uma plataforma online, criada para facilitar o acesso aos serviços de saúde dos utentes, de forma simples e a partir de qualquer lugar, através do computador, telemóvel ou tablet”. O projeto permite, assim, que o utente aceda a toda a informação que necessita, apresentada de forma integrada e disponível em múltiplos canais.

Criado em setembro do ano passado, o portal que conta já com mais de 13.600 utilizadores, permite o registo de entrada com código QR, atualizar dados de identificação, consultar o tempo de espera das urgências, conhecer resultados de exames e análises, fazer marcações, pagar taxas moderadoras, entre outras funcionalidades.

Na ocasião o presidente da APAH, Dr. Alexandre Lourenço, reiterou: a adesão registada e os projetos apresentados são “o exemplo vivo da dinâmica e da qualidade do trabalho que é diariamente realizado nas instituições do SNS em prol da melhoria do serviço aos utentes”.

A propósito da elevada qualidade dos trabalhos, o júri entregou ainda duas menções honrosas. A primeira foi atribuída ao projeto “Implementação do programa ERAS – Enhanced Recovery na cirurgia de cólon e reto”, do Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, que, segundo a informação divulgada em comunicado de imprensa, permitiu diminuir o tempo médio dos internamentos de sete para cinco dias e reduzir significativamente o número de complicações médicas e cirúrgicas. O Centro de Reabilitação Rovisco Pais, em Cantanhede, também recebeu uma menção honrosa pelo projeto “Via Verde de Reabilitação do AVC”, criado com o objetivo de alongar a versão tradicional da “Via Verde do AVC”, que termina no tratamento de fase aguda.

A 4.ª Edição do Prémio Healthcare Excellence recebeu um total de 19 candidaturas, provenientes de hospitais de norte a sul do país. Entre os finalistas estiveram projetos do Centro de Medicina e Reabilitação Rovisco Pais, Instituto Português de Oncologia do Porto, Hospital Beatriz Ângelo, Hospital de Braga, Hospital de Cascais e Unidade Local Saúde de Matosinhos.

Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019