Medtronic doa material cirúrgico para missão na Guiné-Bissau
20/07/2017 16:14:59
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Medtronic doa material cirúrgico para missão na Guiné-Bissau

A Medtronic vai apoiar o projeto Guiné-Bissau 2017, da associação Meninos do Mundo, através da doação de fios de sutura, um material em falta naquele país que está a impedir a realização de várias cirurgias.

“Faz parte da missão da Medtronic a participação ativa e responsável na comunidade através do envolvimento em projetos e iniciativas de responsabilidade social ou da concretização de parcerias que tenham um impacto positivo na sociedade”. Quem o diz é Luís Lopes Pereira, diretor-geral da Medtronic, acrescentando que esta parceria “é mais um claro exemplo desta missão”. “Assim que soubemos que eram necessários materiais que a Medtronic poderia ceder, não hesitámos e disponibilizámo-nos para ajudar”, conclui.

A Meninos do Mundo é uma associação que desde 2008 trabalha tendo em vista a proteção da criança em Portugal e no Mundo, promovendo a defesa dos seus direitos, liberdades e garantias. Através do projeto Guiné-Bissau 2017, que atua na área da Saúde, uma equipa multidisciplinar composta por médicos, enfermeiros, assistentes sociais, psicólogos e outros profissionais, a associação parte amanhã para a Guiné-Bissau, levando cerca de 700 quilos de material médico.

O projeto Guiné-Bissau 2017 tem como parceiro o Ministério da Saúde deste país e pretende diminuir a mortalidade infantil, os casos de morte que têm possibilidade de tratamento e a propagação de doenças que podem ser controladas. “Promover a formação dos profissionais locais, aumentar o número de médicos especialistas e a qualidade dos serviços de enfermagem são outras das metas a atingir”, revela o comunicado de imprensa.


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019