Conferência ICHOM: stakeholders discutem mediação dos cuidados de Saúde
08/02/2017 17:53:23
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Conferência ICHOM: stakeholders discutem mediação dos cuidados de Saúde

Nos dias 10 e 11 de fevereiro, a reitoria da Universidade Nova de Lisboa vai ser palco de um debate sobre a necessidade de medição da qualidade dos cuidados de Saúde prestados em Portugal, que vai contar com a presença dos principais stakeholders da área da Saúde. Trata-se da Conferência do International Consortium for Health Outcomes Measurement (ICHOM), que já conta com 500 inscritos.

O ministro da Saúde, Prof. Doutor Adalberto Campos Fernandes, e o secretário de Estado da Saúde, Dr. Manuel Delgado, vão marcar presença nesta que é a primeira Conferência ICHOM em Portugal, que tem como tema “Medição dos cuidados de Saúde baseada em valor”. Consulte aqui o programa do evento.

Em entrevista à News Farma, o Dr. João Marques Gomes, CEO da Nova Healthcare Initiative, investigador de Gestão e Economia da Saúde na Nova SBE e um dos promotores desta iniciativa, explica que “o objetivo desta conferência é juntar todos os stakeholders da Saúde em Portugal e discutir a importância deste sistema de medição, se as métricas que existem atualmente são úteis e que outras métricas poderão interessar ao país”. 

Entre outros stakeholders, vão marcar presença o vice-reitor da Universidade Nova de Lisboa, Prof. Doutor Pedro Pita Barros, a presidente do ICHOM, Prof.ª Doutora Christina Åkerman, o diretor executivo do Health Cluster Portugal, Dr. Joaquim Cunha, a presidente da Associação Portuguesa da Economia da Saúde, Profª. Doutora Lara Noronha Ferreira e o presidente da Associação Portuguesa dos Administradores Hospitalares, Dr. Alexandre Lourenço.


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019