Peritos defendem financiamento da Saúde em função dos resultados
23/11/2016 15:35:38
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Peritos defendem financiamento da Saúde em função dos resultados

Remunerar a Saúde com base nos bons resultados é o mote de um relatório elaborado pela The Boston Consulting Group (BCG) com o apoio da Janssen, companhia farmacêutica do grupo Johnson & Johnson. Este relatório defende quatro recomendações para incentivar a qualidade e a inovação na Saúde.

“A proposta de modelo que agora apresentamos fará com que os critérios de financiamento passem a estar alinhados com os interesses dos doentes e prevê a responsabilização dos prestadores de cuidados pelos resultados em saúde da população pela qual são responsáveis”, explica o Dr. Ricardo Baptista Leite, que integra o Conselho Estratégico.

Outra das propostas apresentadas no relatório é a adoção de um modelo de contratualização plurianual de objetivos e de financiamento, ou seja, o orçamento para a saúde deixaria de ser anual e passaria a estar orientado para resultados a médio prazo.

O relatório defende ainda a monitorização dos resultados em saúde e respetiva análise e publicação, potenciando a transparência e contribuindo para a liberdade de escolha dos doentes.

Reforçar e otimizar o financiamento de medicamentos e outras tecnologias de saúde inovadoras, aumentando as verbas disponíveis para a inovação e criando um fundo dedicado a medicamentos inovadores com reembolso centralizado, é outra das propostas deste estudo para a evolução do atual sistema.

“Na Janssen acreditamos e defendemos uma lógica de colaboração aberta com todos os stakeholders que se inserem na área da saúde para podermos contribuir para sociedades saudáveis. Ao apoiarmos este relatório, estamos a contribuir para a reflexão dos desafios presentes e futuros da saúde em Portugal e para a sustentabilidade e eficiência do nosso sistema de saúde”, afirma a Dr.ª Filipa Mota e Costa, diretora-geral da Janssen Portugal, a propósito da participação da farmacêutica no desenvolvimento do estudo.

O estudo completo pode ser consultado aqui.


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019