Anatomopatologistas participam no 1.º Curso Teórico-Prático de determinação de PD-L1
20/10/2016 15:27:00
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Anatomopatologistas participam no 1.º Curso Teórico-Prático de determinação de PD-L1

O curso teve como objetivo capacitar os anatomopatologistas para a determinação do biomarcador PD-L1 por imuno-histoquímica, dado o seu valor preditivo no tratamento de doentes com cancro do pulmão de células não-pequenas avançado. Este 1º curso teórico-prático, que decorreu no passado dia 14 na Escola Superior de Saúde de Lisboa, foi organizado pela Sociedade Portuguesa de Anatomia Patológica (SPAP) em parceria com a MSD Portugal.

 

Tal como explicou o Prof. Doutor Rui Henrique, formador do curso e anatomopatologista no IPO-Porto, esta formação “nasceu da necessidade de nós como anatomopatologistas nos adaptarmos a uma nova realidade que é a avaliação da expressão de biomarcadores utilizados para a decisão terapêutica de doentes que poderão vir a ser submetidos a tratamentos no âmbito da oncologia”.
De acordo com a Prof. Doutora Catarina Eloy, também formadora do curso e diretora do laboratório de anatomia patológica do IPATIMUP, “o PD-L1 já tem aprovação para uso clínico e, portanto, temos que o implementar e começar a utilizá-lo no sentido de identificar os doentes com cancro do pulmão que vão beneficiar da terapêutica em questão”. “É por isso que hoje estamos aqui, no sentido de partilharmos um pouco a nossa experiência e incentivar os colegas a começar a determinar o PD-L1”, frisou a especialista.

 


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019