Um estudo internacional liderado por investigadores da Universidade de Coimbra (UC) verificou um novo mecanismo de infeção específico da salmonella. Esta descoberta pode ter impacto no desenvolvimento de novas abordagens terapêuticas para travar infeções causadas por esta bactéria.

Publicado em Notícias

Pesquisa