“Portugal iniciou bem o processo de tratamento e cura dos doentes infectados com hepatite C, mas está a perder o comboio e, a continuar assim, não vai atingir as metas da Organizaçao Mundial de Saúde (OMS) para irradicar a patologia até 2030, ao contrário de outros países da Europa, que começaram depois de nós”. Quem o diz é a Dr.ª Emilia Rodrigues, presidente da SOS Hepatites, a propósito do 6.º Congresso Nacional da associação, que decorre no dia 18 de maio, no auditório do Hospital Pulido Valente, em Lisboa, a partir das 9h30.

 

Publicado em Notícias

A Ordem dos Médicos, em Lisboa, vai acolher o 4.º Congresso Nacional SOS Hepatites – "Menos Álcool, Melhor Fígado", no próximo sábado, dia 4 de fevereiro, entre as 9h30 e as 17h00.

Publicado em Notícias

Pesquisa