APDP promove formação na área da neuropatia diabética
12/03/2018 16:22:20
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
APDP promove formação na área da neuropatia diabética

A 2.ª edição da formação “Neuropatia diabética: Um desafio para diagnosticar e tratar: O papel das vitaminas B" arranca neste mês de março em Braga e Lisboa, de onde segue para Viseu, Setúbal, Leiria, Penafiel e Aveiro. Com uma maior componente prática, o curso, destinado a médicos de Medicina Geral e Familiar (MGF), é promovido pela Associação Protetora dos Diabéticos de Portugal (APDP) com o apoio da Merck, focando-se especialmente no diagnóstico da doença.

A formação, na qual irão participar cerca de 200 médicos de MGF no total, analisa temas como os métodos de rastreio e diagnóstico da patologia, a prevalência da doença, os fatores de risco para o seu desenvolvimento, as potenciais consequências associadas e a importância dos níveis de vitaminas B em doentes diabéticos.

A APDP e a Merck explicam, em comunicado, que o papel das vitaminas B é um dos temas a ser abordado nesta formação uma vez que os indivíduos diabéticos apresentam alterações no metabolismo das vitaminas B1, B6 e B12, o que pode levar a situações de deficiência nestas vitaminas.

A edição de 2018 procura responder a uma maior procura deste tipo de formação que, segundo alguns participantes, coloca em discussão importantes temas que deviam ser tratados com mais frequência. Para outros os aspetos mais destacados são a abordagem detalhada da fisiopatologia da dor neuropática, os mecanismos e opções farmacológicos e as áreas de intervenção.

Iniciada em 2017, e envolvendo cerca de 150 médicos de MGF, esta formação visa sensibilizar os médicos para a importância da prevenção da ND que atinge 50% da população diabética.