“Genética nas Doenças do Movimento” em análise no Congresso da SPDMov 2018
23/02/2018 12:25:50
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
“Genética nas Doenças do Movimento” em análise no Congresso da SPDMov 2018

“Genética nas Doenças do Movimento” é o mote do Congresso da Sociedade Portuguesa de Doenças do Movimento 2018 (SPDMov). O evento, com data marcada para os dias 2 e 3 de março, decorre em Aveiro e conta com a partilha de testemunhos de médicos portugueses a trabalhar fora do país.

Com o objetivo de promover um espaço de debate sobre as descobertas genéticas das duas últimas décadas que têm vindo a contribuir para melhorar os conhecimentos sobre as doenças do movimento, o evento aborda temas sobre a doença de Parkinson, a distonia e a ataxia. "Doenças do movimento hereditárias na criança", "Síndromes parkinsónicas atípicas" e "Doenças do movimento iatrogénicas" são outras sessões previstas no programa.

Em comunicado, o presidente da SPDMov, o Prof. Doutor Alexandre Mendes, explica que os participantes terão a “oportunidade de assistir a uma palestra sobre o estado da arte da área da genética nas doenças do movimento, mas também promover o debate com o Prof. Doutor Vincenzo, um especialista que sabe muito sobre a área e partilhará connosco o seu conhecimento". O neurologista acrescenta ainda que o "Congresso tem um carácter formativo muito forte e isso é muito importante para os neurologistas, internos de neurologia e cientistas que marcarão presença no evento”.

Mais informações disponíveis aqui