A intervenção psicoterapeuta realizada por enfermeiros especialistas em Saúde Mental, aliada à farmacoterapia e quando comparada com o tratamento apenas com fármacos, é significativamente mais eficaz a reduzir os níveis de ansiedade e a promover o seu autocontrolo em pessoas com ansiedade patológica. A conclusão é de um estudo realizado entre 2016 e 2017, por um grupo de investigadores do Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde (CINTESIS) e da Escola Superior de Enfermagem do Porto.

Publicado em Notícias