Portugal acaba de integrar a European Infrastructure for Translational Medicine (EATRIS), uma rede europeia de investigação clínica e de Medicina translacional, tipologia de investigação que facilita a transferência das descobertas científicas para as práticas e intervenções no dia a dia. Esta investigação responde a dúvidas concretas colocadas pelo médico relativamente a situações clínicas específicas.

Publicado em Notícias